Informa Economics IEG | FNP is part of the Business Intelligence Division of Informa PLC
This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726
Informa



Imprensa

Receba nossa Newsletter



China diz ser impossível negociar com os EUA

10/04/2018 - China diz ser impossível negociar com os EUA

As declarações foram dadas depois que o presidente dos EUA, Donald Trump, previu, no domingo (08), que a China deve retirar suas barreiras comerciais, e expressou otimismo de que ambos os lados podem resolver a questão através de negociações.

Pesquisadores estatais chineses e a mídia minimizaram o possível impacto das medidas comerciais dos EUA sobre a segunda maior economia do mundo e descreveram a postura do governo norte-americano sobre o comércio como o produto de um "distúrbio de ansiedade". "Sob as atuais circunstâncias, ambos os lados não podem ter negociações sobre essas questões", disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Geng Shuang para a mídia.

"Os Estados Unidos, por um lado, têm a ameaça de sanções e, ao mesmo tempo, dizem que estão dispostos a conversar. Não tenho certeza sobre para quem os Estados Unidos estão fazendo esse número", disse Geng. Os atritos comerciais devem-se "inteiramente à provocação dos EUA", completou.

Ontem, Trump armou que a relação comercial entre EUA e China é estúpida. "Quando um carro é enviado para os Estados Unidos da China, há uma tarifa a ser paga de 2,5%. Quando um carro é enviado para a China dos Estados Unidos, há uma tarifa a ser paga de 25%. Isso soa como comércio livre ou justo? Não, parece comércio estúpido - acontecendo há anos!", disse em uma postagem no Twitter.

Pequim alega que Washington é o agressor e está estimulando o protecionismo global, embora os parceiros comerciais da China reclamem há anos que o país abusa das regras da OMC (Organização Mundial do Comércio) e pratica políticas industriais injustas que bloqueiam empresas estrangeiras de setores cruciais com a intenção de criar gigantes nacionais.

Depois de repetidas promessas feitas por Pequim de abrir setores como o de serviços financeiros terem mostrado pouco progresso, Trump tem dito que os EUA não vão mais permitir que a China se aproveite do país com o comércio.


Disputa comercial entre os dois países pode ajudar o Brasil, diz secretário

O secretário de Assuntos Internacionais do Ministério da Fazenda, Marcello Estevão, disse ontem que a disputa comercial entre os Estados Unidos e a China poderá beneficiar o Brasil e, por extensão, o Mercado Comum do Sul (Mercosul). Estevão disse que a disputa comercial entre duas das maiores economias do mundo, pelo menos até o momento, está sendo positiva para o Brasil.

 

Fonte: Jornal do Comércio adaptado pela IEG FNP

Compartilhe:

Índice

Consultoria
Projetos que englobam aspectos socioeconômicos, mercadológicos, técnicos e comerciais da atividade agropecuária.
Business Intelligence
Estudos de pesquisas de mercado, análises setoriais e competitivas.
Palestras
Confira as últimas apresentações dos analistas da Informa Economics FNP sobre as diversas áreas e segmentos do agronegócio.
Publicações
Anuários, boletins e relatórios em português e inglês.
Quem Somos | Pecuária | Grãos | Açúcar/Etanol | Terras | Insumos | Anualpec | Agrianual | Imprensa | Consultoria | Business Intelligence | Palestras | Publicações

Informa Economics IEG | FNP

Rua Bela Cintra, 967, 11º. Andar - CEP: 01415-000 São Paulo/SP - Brasil
Tel.: + 55 11 4504-1414 / 3017-6800 Fax: + 55 11 4504-1411